Mulher falece após acidente com panela de pressão; seis cuidados para sua panela não explodir

Jade do Carmo Paz Gabriel, de 34 anos, perdeu a vida quando uma panela de pressão explodiu, neste último domingo (8). O acidente aconteceu no Restaurante Tavares, na QNM 18, na cidade de Ceilândia, no Distrito Federal. Ela trabalhava como cozinheira no estabelecimento comercial.

Inicialmente, o Corpo de Bombeiros informou que outras duas pessoas tinham se ferido fisicamente, mas posteriormente relataram que elas ficaram abaladas psicologicamente. A panela, de modelo industrial, e que comporta 10 litros, explodiu no momento em que cozinhava feijão.

LEIA TAMBÉM:  LUTO: Patrícia Abravanel comunica morte às pressas no SBT; “Descanse em Paz”

Panela de pressão explode e tira a vida de cozinheira

Os casos de explosão de panelas de pressão são noticiados pela imprensa em casos graves, como o de uma mulher que ficou com parte do corpo queimado após a explosão. Devido à reincidência do caso é preciso ficar alerta aos sinais que podem indicar quando uma panela pode explodir.

LEIA TAMBÉM:  Namorada expõe estado de saúde de José de Abreu após diagnóstico de Covid-19

Sinais que indicam quando panela de pressão pode explodir

Existem seis sinais que indicam quando há o risco de explosão. O primeiro deles é quando a válvula não está funcionando corretamente, sendo preciso ficar atento ao alerta e trocar a válvula ao perceber o problema. O segundo é quando a borracha de vedação perde a eficácia, sendo preciso colocar uma nova ao notar que ela está frouxa.