Beth Goulart confirma que está com doença que tirou a vida de sua mãe

Beth Goulart, filha da atriz Nicette Bruno, compartilhou com seus seguidores uma notícia ruim sobre sua saúde por meio de suas redes sociais. A artista, que perdeu a mãe para a Covid-19, contou que está com a mesma doença que tirou a vida de uma das veteranas das novelas da TV Globo.

A informação foi divulgada nesta segunda-feira (05/09). A atriz contou que sente os sintomas do vírus, após testar positivo para a Covid-19. Beth Goulart foi vacinada contra a doença e, por isso, não apresenta os sintomas mais graves da Covid. A artista tomou quatro doses do imunizante produzido para evitar o desenvolvimento dos sintomas.

LEIA TAMBÉM:  Marcos Oliveira, eternizado como ‘Beiçola’, volta a pedir doações: ‘me ajuda’

“Meus queridos, tentei escapar o máximo que pude, mas a covid me pegou. Graças a Deus, tomei as 4 doses da vacina. Muita dor de garganta, mas já estou medicada. Vou dando notícias. Protejam-se, o vírus ainda está entre nós”, publicou a famosa atriz em suas redes sociais, a fim de tranquilizar seus seguidores.

Os fãs de Beth Goulart escreveram mensagens de carinho para ela, desejando melhoras em seu estado de saúde. Muitos seguidores escreveram que estimam uma recuperação breve e tranquila.

LEIA TAMBÉM:  Segredo em torno da morte de Zacarias vêm a tona 31 anos depois: ‘Pele e osso, desfigurado’

Beth Goulart perdeu a mãe para a Covid-19, em 2020

Há quase dois anos, falecia a atriz Nicette Bruno, aos 87 anos de idade. Ela estava internada em uma unidade de saúde da zona sul do Rio de Janeiro, já na UTI. O boletim de médico declarou que Nicette encontrava-se em um estado de saúde “muito grave”. A atriz precisou ser sedada e dependia da ventilação mecânica para respirar.

LEIA TAMBÉM:  Vídeo: Aluno de 15 anos invade escola armado faz vários disparos e deixa várias vítimas no Ceará

Nicette era mãe de Beth Goulart, que pedia muitas orações pela recuperação da mãe. Após a morte, suas cinzas de Nicette Bruno foram levadas para São Paulo para ficar junto de Paulo Goulart, já falecido na época.