‘Me enganei’: Sonia Abrão volta atrás em relação a Bruno de Luca e critica depoimento dado pelo apresentador

Depois da declaração de testemunhas, a apresentadora da RedeTV parou de defender o apresentador.

Na tarde desta segunda-feira (11), Sonia Abrão surpreendeu o público do A Tarde É Sua ao questionar o comportamento de Bruno de Luca quando Kayky Brito foi atropelado no Rio de Janeiro. Logo no início do programa, a jornalista disse que achava muito estranho o jeito como o apresentador se comportou.

De acordo com Sonia, o comportamento de Bruno pode até classificar uma omissão de socorro e se isto ficar comprovado, ele seria indiciado pelo delegado responsável pelo caso. A apresentadora da RedeTV teve um posicionamento duro em relação ao apresentador.

“Parece uma fuga e, por isso, provavelmente, ele vai ser chamado pra um novo depoimento e pode responder por omissão de socorro”, comentou Sonia Abrão. Ela viu as novas revelações que foram apresentadas no Domingo Espetacular e avisou que estava voltando atrás em sua posição.

Sonia Abrão parou de defender o apresentador

A apresentadora explicou que já defendeu Bruno de Luca, que achou que ele estava em choque, mas depois de ver o depoimento dele, declarou: “Não é possível que eu tenha me enganado tanto, mas acho que eu me enganei”.

LEIA TAMBÉM:  Após Covid-19, Sônia Abrão é internada às pressas em São Paulo, estado de saúde é revelado

Depois de assistir o depoimento das testemunhas que disseram o que Bruno teria feito após o acidente e como deixou o local, Sonia se mostrou chocada e comentou que agora são muitas as dúvidas que precisam ser esclarecidas.

Versão de Bruno é questionada por muitos

Duas testemunhas disseram que Bruno de Luca teria deixado Kayky Brito em estado grave e foi embora. Elas desmentiram o depoimento dado por Bruno na semana passada, quando o jovem alegou que não sabia que a vítima era seu amigo.

LEIA TAMBÉM:  Sem Manoel Soares, Patrícia Poeta começa encontro com triste notícia de luto

Nas redes sociais, muitos internautas também estão questionando o comportamento do apresentador após o atropelamento. O delegado não informou ainda se Bruno será convocado para novo depoimento.