Pai desabafa após perder filho de 18 anos que estava em treinamento militar: ‘Você entrega seu filho saudável e o recebe num caixão’

A morte de Pedro Henrique Pereira dos Santos foi confirmada. Ele tinha apenas 18 anos quando morreu após ter realizado um treinamento militar no 1° Batalhão de Polícia do Exército (PE), no Rio de Janeiro. O seu pai, Flávio Roberto, que atua como taxista, chegou a falar sobre a tragédia que foi perder o filho de forma trágica e tão novo.

LEIA TAMBÉM:  Bonner e Renata se apressam e iniciam Jornal Nacional com aquela notícia que cai como uma bomba no Brasil

“Chegar ali e ver seu filho deitado nessa situação é muito triste. Muito triste ver uma mãe do jeito que ela está. Saber que entregou seu filho saudável, estudioso, um garoto do bem. Entregar seu filho saudável para poder realizar o sonho de vida, que era ser militar. Ele se preparou para aquilo. De repente, você recebe seu filho em um caixão.”, desabafou ele, diante de toda a situação que tem passado.

LEIA TAMBÉM:  Rodrigo Mussi tenta fugir da UTI, mas médicos conseguem impedir o ex-BBB de ir embora

O pai ainda ressaltou que era extremamente triste já ter recebido o filho para ser enterrado e que jamais desejaria o que passou para alguém.

De acordo com o que foi informado por sua família, Pedro Henrique passou muito mal após ter realizado alguns exercícios físicos, assim tendo convulsões. Ele chegou a ser socorrido às pressas, ainda sendo internado em uma unidade de saúde e logo intubado, mas infelizmente não conseguiu resistir.