Intervenção válida? Simony é submetida a outro tratamento contra reações da quimioterapia

A cantora Simony, de 46 anos, anunciou no mês de agosto que está em tratamento contra um câncer no intestino. A famosa revelou que a descoberta da doença foi em um exame de rotina e que já tinha dado início a sessões de quimioterapia.

A eterna integrante do Balão Mágico contou neste último sábado (10) que iniciou uma outra intervenção. Tal procedimento é para minimizar as reações do tratamento quimioterápico. Para aliviar os efeitos colaterais, ela diz que foi submetida a acupuntura.

LEIA TAMBÉM:  Antônio Fagundes é contratado por outra emissora após 44 anos de Rede Globo

Simony anuncia novo tratamento

Através de seu perfil no Instagram, Simony disse que essa sessão de acupuntura é para equilíbrio emocional e para a preparação dos efeitos colaterais da quimioterapia. Esse procedimento é da medicina alternativa, onde são inseridas agulhas em regiões específicas do corpo.

O médico Alexandre Massao Yoshizumi, que é diretor do Colégio Médico Brasileiro de Acupuntura, informou que a náusea está entre os principais efeitos do tratamento. Por conta disso, pacientes recorrem a essa terapia da medicina chinesa tradicional.

LEIA TAMBÉM:  A triste história de Scheila Carvalho: filho da atriz perdeu a vida após doença no intestino

De acordo com ele, estudos apontam que essa intervenção ajuda a diminuir esses efeitos colaterais. Além disso, outro ganho da acupuntura é justamente o emocional, indicado pela artista no Instagram.

Benefícios do tratamento

Além dos pontos positivos mencionados acima, estão também a redução de medicamentos, melhora do apetite, movimentação intestinal reestabelecida e diminuição da fadiga. É preciso cuidados básicos antes de iniciar tal tratamento alternativo. É necessário encontrar um profissional especializado, local com condição sanitária compatível às exigências e uso de agulhas descartáveis e estéreis.