Claudia Raia explica como engravidou aos 55 anos e revela: ‘Eu tinha desistido’

A uma semana a atriz Claudia Raia, surpreendeu a todos os seguidores, ao anunciar que será mamãe pela terceira vez. Em entrevista ao Fantástico que foi ao ar neste domingo, ela também revelou que era um sonho engravidar do atual marido Jarbas Mello.

“Estou com Jarbas há quase 12 [anos], e há muito tempo a gente fala disso, pelo menos há uns dez anos”, disse.

Ela contou que também incentivada por uma guru, congelou seus óvulos quando tinha 40 anos de idade. Porém apenas ano passado ela disse que junto ao marido tentaram uma fertilização em vitro, ela revelou que conversou com Deus na época, sobre a gravidez.

LEIA TAMBÉM:  Luto no Jornal Nacional, que termina em silêncio por ex-diretor da Globo, falecido esta semana

“Eu não vou tentar mais do que uma vez, eu não vou desafiar o destino. Eu vou tentar uma vez. Se for, ok. Se não for, eu vou entender”, relatou.

Ela contou que se frustrou com a não formação dos óvulos, já que estava na menopausa já três anos.

Ela então decidiu parar de tentar, porém após alguns exames médicos, ela contou que se surpreendeu, em saber que mesmo na menopausa, estava ainda ovulando.

“A gente sempre pensa: ‘Meu óvulo de 55 anos já não serve pra muita coisa’. Eu tinha desistido mesmo”, disse.

LEIA TAMBÉM:  Árvore de Natal pega fogo e tira a vida de pai e filhos, além de dois cachorros da família

A atriz contou então que tinha desistido, e não queria pensar mais nisso, então começou a viajar com os filhos, malhar, sem pensar mais em gravidez. Porém, após novos exames, sua médica lhe informou sobre alterações em suas taxas, e então descobriu que estava grávida.

“Eu fui descobrir que eu estava grávida quase na décima semana, quase completando os três meses”, contou.

Comentários nas redes sociais

A notícia não gerou apenas só comentários bons infelizmente, muita gente também criticou a atriz, por conta de sua idade, ela então pediu empatia.

LEIA TAMBÉM:  Mulher mata marido e filhos envenenado na Bahia, tudo isso por conta de umas simples...

“Eu só respondo: ‘Por favor, tenha mais empatia’. Mulher falando mal de mulher não fica bem. Deixa as pessoas terem o filho na hora que elas querem ter. Deixa elas engravidarem quando elas pretendem engravidar”.

A veterana terminou afirmando. “Onde está escrito que a mulher de cinquenta não pode fazer? Pode fazer tudo. Então, a gente tem que viver, usar tudo que a gente tem, todas as ferramentas que a gente tem e fazer plano sim, porque fazer plano é estar vivo, é estar jovem, é estar curioso”, concluiu.