Atirador invade escola e tira a vida de 14 crianças entre 5 e 10 anos; famílias estão arrasadas

Um jovem de 18 anos acabou tirando a vida de 14 alunos de uma escola de ensino fundamental nesta terça-feira (24/05). Além dos estudantes, um professor também foi vítima da tragédia, que aconteceu no estado do Texas, nos Estados Unidos.

As informações foram divulgadas pouco depois pelo governador Greg Abbott, enquanto dava uma entrevista coletiva. Ele ainda acrescentou que o atirador havia sido morto e acredita que o óbito do rapaz tenha sido provocado pela polícia.

LEIA TAMBÉM:  Viúva de Pelé herdará toda fortuna do rei? Patrimônio do ex-jogador está avaliado em

Momentos depois do crime, as autoridades texanas haviam avisado que o responsável pela chacina estaria detido. O ataque ocorreu, segundo informações, em torno do meio-dia na escola de ensino Fundamental Robb de Uvalde, que recebe crianças entre 5 e 10 anos.

O hospital local emitiu um comunicado em sua conta do Facebook mais cedo afirmando que 13 crianças estavam na unidade, mas que duas delas já haviam chegado mortas às instalações. As vítimas que conseguiram resistir ao ataque ficaram à mercê do banco de sangue da cidade, que pediu doações.

LEIA TAMBÉM:  Marido de Sandy assume vício e faz desabafo: “Sou compulsivo, tive que parar”

Uma idosa e uma criança foram encaminhados para uma cidade próxima para receber atendimento especializado. Até o fechamento desta matéria, não haviam sido divulgadas as identidades das vítimas. A polícia ainda não sabe a motivação do crime.

Acredita-se que o responsável pelo ataque era aluno da Escola Secundária de Uvalde. No final da tarde, as autoridades locais colocaram grande parte da população em confinamento por questões de segurança.

LEIA TAMBÉM:  Tristeza: Médico perde a vida após sofrer acidente de trânsito no PR

Novas informações sobre o caso podem ser divulgadas a qualquer momento. Imagens dos familiares das vítimas em completo desespero estão circulando na internet.