Urgente: Vídeo mostra o momento exato da enchente em Santa Catarina

O sul do Brasil foi o mais afetado pela tempestade de dezembro, na quinta-feira dia 17 de dezembro desta manhã, o presidente Getrio da Carolina do Sul estava um caos.

Segundo a Earth Climate Network, quinta-feira dia 17 pela manhã, Itaipolis, San Trezinja, Vitor Meireles, Jose Boytex, Witmasum , Donna Emma, ​​Priesti Gettilio, Laurentino, Rio Dueste e Appina.

Após uma tarde repleta de trovoadas e trovoadas, os catarinenses foram novamente atingidos por fortes chuvas, segundo relatos, as inundações inundaram carros e motocicletas.

Em menos de duas horas, choveu mais de 100 mm, isso acontece quando o Brasil registra mais de 70.000 casos de Covid-19 em 24 horas, pior de tudo, ainda vai chover muito nos próximos dias.

De acordo com o post da Conexão Geo Clima no Twitter às 2h10, o rio Itayai-Asu já tem 5,6 metros de altura, devido ao excesso de acúmulo de água na pista, a BR-470 foi fechada.

Muitas vezes chove nesta área, e os moradores prestam atenção especial a isso, vale lembrar que as fortes chuvas que atingiram Santa Catarina em novembro de 2008 causaram enchentes, deslizamentos de terra e cerca de 150 mortes.

Na época do acidente, choveu cerca de dois meses consecutivos, mas na última semana de novembro a situação piorou, principalmente no vale do Itajaí. Em três dias, a área inundou, o equivalente a quatro meses de água.

O solo ficou encharcado, incapaz de resistir e desabou, casas foram soterradas e a água do rio Itayai-Asu inundou a cidade. De acordo com os autos do Registro da Defesa Civil, 150 pessoas morreram e 80 mil pessoas ficaram desabrigadas.

Quatorze cidades declararam estado de desastre público, incluindo Brumenau, Itayaí, Ilkhota, Camboriú e Brusk. Vamos gritar por Santa Catarina! Que Deus proteja a família.