Urgente! Após ser ameaçado e escrachado, ministro Alexandre de Moraes decide o que fazer com Sara Winter

Recentemente Sara Winter publicou um vídeo fazendo graves ameças ao ministro Alexandre de Moraes, no vídeo ela diz que o ministro nunca mais teria paz, e que iria infernizar sua vida.

Sara é ex-feminista, youtuber e filiada ao partido Democratas, Sara foi alvo de uma operação da Policia Federal sobre divulgações de fake news, onde acabou recebendo um mandado de busca e apreensão.

A operação foi autorizada por Antônio Augusto Brandão de Aras é um jurista brasileiro, atual procurador-geral da República, após Alexandre de Moraes fazer a denuncia sobre as ameaças sofridas.

No vídeo ela xinga o ministro de diversos palavrões, e diz que tem vontade de sair no soco com ele, disse também que iria descobrir os lugares que ele frequenta, e quem são as empregadas domesticas que trabalham para ele.

Como ela não tem foro especial,  Augusto Aras vai encaminhar o material para a primeira instância do Ministério Público Federal, podendo até ocasionar a prisão preventiva dela.

Em suas redes sociais ela fez algumas publicações, confira:

Em outro post a youtuber diz ter sua casa invadida pela pela policia federal:

Ela ainda fez um post dizendo para manifestantes protestarem em frente a casa do ministro Alexandre de Moraes, e da continuidade com mais xingamentos: