Tristeza: Morre, aos 65 anos, grande nome do jornalismo que fez história na Rede Bandeirantes

A madrugada de 21 de fevereiro, foi marcada por uma grande perda da emissora de Tv Bandeirantes, e ao jornalismo esportivo. O jornalista Juca Silveira, morreu da na madrugada, após sentir um mal estar, que ainda não foi identificado.

José Carlos da Silveira Júnior, era muito querido pela equipe da emissora, da qual dedicou mais de 33 anos de sua vida. Juca, foi responsável por transmitir a conhecida com Era de Ouro do Basquete, com a atuação de Michael Jordan na liga da NBA. O jornalista iniciou sua carreira no ano de 1986, e permaneceu na emissora até o ano de 2019, aonde anunciou seu desligamento, devido a um desentendimento.

Juca Silveira, esteve no comando de diversas aberturas da Copa do Mundo, e Olímpiadas. Foi diretor de esportes, chegando a ocupar a direção geral da emissora do Morumbi entre 2018 e maio de 2019.

Juca se desligou da emissora, após ter provocado irritação no apresentador do jornal Brasil Urgente, José Luiz Datena. O motivo de tudo teria sido a nomeação do filho do apresentador, como comandante do Primeiro Jornal. Após uma série de adiamentos, o comando acabou passando para o jornalista José Vergueiro.

Apesar de todos problemas, o jornalista, ainda mantinha uma relação de admiração pela emissora e seus colaboradores, e disse na época, ter saído com a sensação de dever cumprido.

O velório e a cremação do jornalista, aconteceram no domingo (21/02), no crematório Jardim da Colina, que fica localizado na cidade de São Bernardo do Campo.

Além da cobertura esportiva, Juca Silveira também tinha a gastronomia como sua paixão. No perfil do Instagram do jornalista, podemos acompanhar suas aventuras gastronômicas no Brasil e ao redor do mundo. Juca deixará um grande legado para trás. Desejamos todo a força do mundo a família e amigos, para enfrentar esse momento difícil.