Tristeza: Adolescente de 14 anos agride a mãe e ela não resiste

Nos tempos atuais, o desrespeito por parte dos adolescentes, está crescendo muito. O respeito e o apreço pelos pais, é algo que era ensinado a maiorias das crianças antigamente, mas hoje em dia, tem se visto que esses valores tem caído cada vez mais. O caso a seguir chocou o Brasil:

Após uma discussão com a mãe, por motivos que não foram revelados, um adolescente de 14 anos de idade, agrediu sua genitora como em uma briga de rua, e a levou a óbito, devido a seriedade dos hematomas. Marlene S. Martins dos Santos de 43 anos de idade, foi internada com uma série de ferimentos e traumatismo craniano, no Hospital Cajuru em Curitiba.

A irmã da vítima, conta que a agressão não deve ter partido somente do adolescente de 14 anos, por que na casa viviam um adolescente de 15 anos, também filho de Marlene, e a sua namorada de 15 anos. Devido a barbárie do caso, essa versão parece ser a mais plausível.

Marlene chegou a ficar internada por 15 dias, teve uma perna amputada, mas não resistiu às múltiplas agressões que sofreu. Em um dos laudos da perícia, constam até mesmo um estrangulamento, que teria dado um AVC hemorrágico na mãe do adolescente.

Por mais revoltante que possa parecer, após as agressões, o adolescente de 14 anos, foi ouvido pela polícia e liberado na mesma hora. Familiares contam, que o rapaz está morando na casa de sua avó paterna, e leva uma vida tranquila, como se nada tivesse feito.

Uma das irmãs do adolescente, reforçaram a versão de que o adolescente não agiu sozinho, devido a seu porte físico, e a brutalidade e frieza que o crime foi cometido. A participação de outras pessoas na agressão, parece ser mais do que notório, e os familiares contam, que pode se tratar de outro filho da vítima, um adolescente de 17 anos de idade, que também residia na casa da vítima.