Tragédia: Influencer grava vídeo pouco antes de morrer em acidente de trânsito; três jovens morreram no total

Um passeio entre amigos, acabou em uma grande tragédia, no último dia 08/04. Acontece que motorista do carro, perdeu o controle enquanto dirigia em alta velocidade, e acabou invadindo uma canaleta de escoamento de água, e batendo com muita força em um poste de luz. Minutos antes do agrave acidente acontecer, uma das passageiras do carro, gravou um vídeo para as redes sociais.

A tragédia aconteceu  na Serra do Cafubá, em Niterói, e entre as passageiras do carro, estava a influencer digital, Emmily Miranda, de 20 anos de idade, que gravou o vídeo alguns instantes antes do ocorrido. Os jovens, pareciam estar se divertindo bastante, enquanto o carro seguia em alta velocidade pela estrada. Em um dado momento, a câmera do celular de Emily, mostra o ponteiro do velocímetro do veículo, que ultrapassava os 110 Km, muito acima do permitido naquele local.

A polícia acredita, que o motorista do carro estava bêbado enquanto estava no volante. O vídeo em questão, também flagra o momento, em que o motorista, tira as suas mãos do volante, em sinal de despreocupação. Parece até mesmo, que Emily havia previsto a sua morte, e a de mais dois amigos, pois em um dado momento, ela chega a dizer, que iriam morrer naquele “rolê”, enquanto filma a estrada. Após a declaração da influencer, o vídeo para, e alguns minutos depois, o acidente acontece.

O corpo de Bombeiros informa, que os 5 adolescentes que estavam no veículo, foram arremessados para fora com violência. O veículo era um Chevrolet Onix, que foi bastante danificado pelo acidente. No total, 3 jovens morreram com o impacto do acidente: Emily Miranda de 20 anos, Roberta Miranda de 17 anos e Gabriel Palmiere C. Gonçalves.

 

Os únicos sobreviventes do acidente, foram resgatados e encaminhados para hospitais da região. Em um depoimento, a mãe de Emmily, chega a dizer que a filha era uma garota medrosa, e que não entendeu o motivo de tanta imprudência. A Polícia Civil investiga o caso e o responsável pode ser indiciado por triplo homicídio culposo.