Pastora pede dízimo de auxílio do governo e diz que Bolsonaro é uma benção

Mais um daqueles absurdos religiosos viralizou nas redes sociais, neste último sábado.

Um vídeo mostra uma pastora, pedindo aos fiéis, o dízimo referente ao auxílio emergencial de 600 reais.

Esse dinheiro, é o governo federal que está proporcionando a pessoas mais vulneráveis, por conta do isolamento social, causado pelo novo coronavírus.

“Pague o dízimo de tudo que você receber agora do governo. O seu, do seu filho, do seu esposo. Mas, irmã Deri, meu esposo não é crente, ele não vai entender. Vai! Você vai conversar com ele e pedir para levar o dízimo pra igreja”, relatou a mulher no vídeo, que não teve a sua identidade divulgada.

De acordo com essa pastora sem noção, o presidente do Brasil, Jair Messias Bolsonaro, está sendo uma benção nessa quarentena.

Conforme a mulher, forças espirituais e divinas estão usando Bolsonaro, para enviar dinheiro a pessoas mais necessitadas.

“É um dinheiro que você não ia ter, não ia receber, e o senhor está usando nosso presidente para nos abençoar”, diz ainda a mulher no vídeo que você poderá acompanhar logo abaixo.

Diversos internautas indignados com a pastora, ainda comentam a situação, que ganhou tremenda repercussão no Brasil.

”Mas a bicha é cínica viu, e sabe o que é pior, que tem gente que cai nisso”.

“Deveria ter vergonha de pedir dinheiro usando a fé dos outros”

Comentou algumas pessoas, no vídeo da mulher.