Padre morre em grave acidente quando viajava de férias e fiéis ficam desolados: ‘Que tristeza’

Um grave acidente na BR-163 ocorreu no último final de semana na divisa do Mato Grosso do Sul com o Paraná e acabou matando o padre Aldua Sellin, 73 anos.

Como todos sabemos, esta figura religiosa tem servido como pároco em Nossa Senhora da Glória, freguesia da Glória Durados (MS), há três anos. O trágico acidente foi registrado próximo à Ponte Elton Sena.

Entre Guaíra (PR) e Mondonovo (MS), segundo informações das autoridades, o padre Alduwa está de férias em Santa Maria. A figura religiosa fez 73 anos em 23 de janeiro.

O padre conduziu a viagem e finalmente colidiu de frente com Zafira, que estava voltado na direção oposta. Quando aconteceu o acidente, estava chovendo forte.

A frente do veículo religioso foi completamente destruída e presa entre as ferragens. Enfrentando ferimentos graves, Aldoir não resistiu e morreu no local. O outro carro desviou da pista.

O motorista sofreu ferimentos leves e foi atendido pela frota Samu e CCRMS Via, que operavam o trecho da rodovia onde foi registrado o acidente. A causa do acidente ainda não foi investigada pelas autoridades.

O funeral do padre foi realizado na tarde da última segunda-feira dia 01 de janeiro, antes disso, um grande número de restos mortais esteve presente para que os fiéis se despedissem.

A religião está enterrada no cemitério do pai de Santa Maria e do irmão Pallotin, Nas redes sociais, vários amigos e pessoas que conheceram Aldoir Ceolin expressaram suas condolências.

Pela morte de personalidades religiosas e expressaram solidariedade com suas famílias. Um usuário da Internet disse: “Meu Deus, estou tão triste”. Outro disse: “Meus sentimentos por minha família”.