Marido desaparecido há 23 anos é encontrado vivo e casado com outra

Todos nós eventualmente, contamos alguma mentira. Algumas são tão pequenas, que não causam danos a ninguém, e passam desapercebidas. No entanto, alguns de nós, acabam levando a mentira para um patamar muito grande, formando uma teia e fazendo dela até mesmo um crime. Esse é o caso de um pai de família, que forjou sua morte, e ficou desaparecido por 23 anos, tendo até mesmo construído outra família.

Casado, e  pai de dois filhos, Richard Hoagland era um homem comum, com uma família aparentemente normal. A típica família americana, vivia uma vida normal, até que um dia, o pai fez uma ligação para a esposa, conhecida como Linda, e disse que estaria passando mal, e que iria até um pronto socorro. Porém, o caso se torna quase inacreditável, quando essa ligação, se torna o último contato entre Richard, e sua família, pois o homem simplesmente desapareceu como fumaça após isso.

O marido de Linda, foi declarado morto após 10 anos de seu desaparecimento, e ela acabou se casando com um outro homem após isso. Porém, Linda não contava com o fato, de que seu marido estava vivo, e vivendo uma nova família, a mais de 1600 km da cidade onde sua esposa e filhos moravam. Richard havia assumido uma nova identidade, e havia se casado e tido uma filha, como se não tivesse deixado uma família para trás.

Hoagland mudou-se para a cidade de Zephyrhills, na Florida, nos EUA, e com a identidade de Terry Symansky, pescador morto em 1991. A máscara de Richard caiu, quando um jovem curioso começou a pesquisar seus ancestrais para formar a árvore genealógica da família e descobriu o nome de seu tio em um registro online. Indo mais a fundo, o jovem descobriu que seu tio havia se casado após quatro anos de sua morte.

A nova esposa do homem, também descobriu uma maleta com os antigos documentos do marido, e ele acabou sendo preso, acusado de diversos crimes. O homem utilizou como desculpa para tudo o que fez, o fato de não querer passar por um processo de divórcio com Linda.