Mãe de 6 filhos com doença rara pede ajuda: ‘Vivo com um salário mínimo’

Moradora de São Sebastião do Oeste em Minas Gerais, Alcilene Perreira, de 30 anos, trabalha como embaladora, com o salário que recebe, que no caso é ó salário mínimo, ela precisa fazer milagre, para o dinheiro durar o mês inteiro.

E para ficar piorar a situação, 6 de seus 7 filhos, sofrem de uma rara doença.

A doença é osteocondromatose múltipla, juntamente com tumores benignos nos ossos.

Por conta disso, Alcilene, tem que se deslocar até o ortopedista e pediatra, ao menos duas vezes ao mês.

Essa doença, costuma ser hereditária, e não tem cura, pois ela causa, encurtamento de membros, perda dos movimentos, além da possibilidade de evolução para o câncer ósseo.

Como seu marido está desempregado, ela mantém uma casa inteira com 5 meninas e 2 meninos.

R$500,00 de seu salário, vai para o aluguel, da casa de 3 cômodos em que vivem, e o restante, vai para as despesas básicas, como água e luz, além da compra de mantimentos.

Uma campanha chamada de Projeto Capitão América na cidade, motivou para ajudar a família com essa rara situação.

Para você ter uma ideia, não havia camas na casa. Nós conseguimos a doação desses móveis, mas não tivemos como montá-los, pois o espaço é muito pequeno”, explicou o coordenador da campanha, Lauro Carvalho.

Com a campanha, foi possível a doação de um terreno para a família, que agora estão em busca de ajuda para a construção.

Por favor compartilhem!Assistam o vídeo!Amigos,essa missão é de suma importância ser cumprida.A mamãe Alcilene tem sete filhos,seis infelizmente foram diagnosticados com câncer.Assistam o vídeo,e nos ajudem com qualquer quantia!!Os dados e o endereço da mamãe Alcilene estão no final do vídeo.Precisam de ajuda financeira para quitar água, aluguel,luz,e alugar uma casa para receber as crianças após a cirurgiaDeus os abençoe!!

Publiée par Capitão América solidário. sur Samedi 22 février 2020

Todos as crianças, que tem entre 3 e 12 anos de idade, estão sendo atendidos pelo SUS – Sistema Único de Saúde, e cada um recebe uma atenção devida.

Essa doença rara que essas crianças possuem, costuma aparecer logo na infância.

A doença faz o paciente sofrer muito.

Ela pode causar, perda de mobilidade, fraturas recorrentes, baixa estatura, deformidade nos membros, alterações sensoriais, dores constantes, além de poder em alguns casos, aparecer tumores malignos.

De acordo com o médico que atende as crianças: “Os pacientes precisam de acompanhamento médico frequente e, quando há impacto funcional os membros, cirurgia”.

Você pode ajudar a família, para isso, é só contribuir com um quantia de qualquer valor, para a conta abaixo.

  • Caixa Econômica Federal
  • Operação 013
  • Agência: 2837
  • Conta: 00055741-0

Diversos meios de comunicação, estão divulgando o caso da família de Alcilene, com as 6 crianças doentes.

Ajude você também, com uma quantia de qualquer valor, você já pode contribuir, para que a esperança aumente para essa família.

Essas crianças não podem mais ficar sofrendo sem uma assistência decente, por isso contamos com a sua ajuda.