Luciano Huck ‘toca na ferida’ de Bolsonaro, mas sofre duro castigo

Luciano Huck, apresentador da Rede Globo, decidiu expor sua opinião, em relação as manifestações que defendem o atual presidente do Brasil, Jair Bolsonaro.

No último domingo, dia 19/04/2020, milhares de pessoas pelo Brasil, foram se manifestar nas ruas, pedindo o fechamento do Congresso Nacional, intervenção militar, além dos polêmicos artigos, se referindo ao AI-5.

Luciano, afirmou que a democracia foi ferida com esse tipo de manifestação, pois faz com que a constituição brasileira vire uma desordem.

Ele ainda mencionou a atual Pandemia que estamos enfrentando, e que o foco agora é de salvar vidas.

E que devemos pensar mais na economia brasileira, já que a cada dia que passa as previsões para o PIB nacional é de que tenha uma queda de 6%.

“Defender a ditadura promove a desordem e é inconstitucional. Só com democracia construiremos um país menos desigual e mais eficiente e afetivo. Neste momento, deveríamos investir nosso tempo em salvar vidas e combater a pandemia e suas consequências“, descreveu sua opinião nas redes sociais, para muitos, o marido de Angélica, é considerado como um pré-candidato a presidência nacional.

Diversas criticas em torno do apresentador pode ser vista nos comentários de sua publicação, um desses internautas escreve: “Tem ninguém defendendo ditadura não Huck.
O que o povo, nós simples mortais, estamos querendo é trabalhar”.