Homem tira a vida da esposa, envia áudio para familiar da vítima e pouco depois sofre um castigo fatal

Mais um caso de feminicídio entra para as estáticas da violência crescente contra a mulher em todo o país.

Na noite do último dia 19 de julho um crime de feminicídio foi registrado em Arapiraca, localizada no interior do estado de Alagoas.

De acordo com as informações da polícia, a vítima identificada como Daniela Fernanda Silva Belo, 29 anos, foi assassinada de maneira cruel a golpes de arma branca.

LEIA TAMBÉM:  Tratamento da filha volta a afastar Tiago Leifert da Globo

O principal suspeito de ter cometido o crime é o companheiro da vítima identificado como Diego Fernandes Lira da Silva, de 32 anos.

Logo após ceifar a vida de Daniela em frente aos filhos de 3 e 5 anos, Diego enviou uma mensagem para a cunhada dizendo que havia matado a companheira e pedindo fosse buscar as crianças.

A família da vítima afirmou que Diego era uma pessoa violenta e possessiva. A irmã de Daniela revelou que recebeu o áudio de Diego minutos depois de ter cometido o assassinato.

LEIA TAMBÉM:  Dede Santana joga no ventilador segredo sobre a vida de Gugu Liberato: ‘Pouca gente sabe disso’

“Ingrid, matei sua irmã. Venha buscar os meninos em Arapiraca”, disse Diego. Confira o áudio:

CLIQUE AQUI PARA OUVIR O ÁUDIO 

Ainda segundo as informações da Polícia Civil, logo depois de enviar o áudio, Diego teria jogado o carro que ele guiava, um Ford Ka, contra um caminhão e nesta ação ele acabou tirando a própria vida.

LEIA TAMBÉM:  Vídeo: Morador de rua agredido por personal fala pela 1ª vez e conta detalhes de tudo o que aconteceu: ‘Daquela boca doce’

Uma pessoa que morava perto do casal revelou que encontrou Diego saindo da casa onde morava com Daniela e o suspeito afirmou que a esposa havia cometido suicídio.