Guta Stresser faz desabafo sobre vida com doença sem cura: ‘agora é assim’

Eternizada como Bebel, de “A Grande Família”, a atriz Guta Stresser revelou recentemente ter recebido diagnóstico de esclerose múltipla. Na ocasião, Stresser falou sobre sua reação ao receber o diagnóstico.

Stresser revelou, anteriormente, sobre como precisou de resiliência para encarar o diagnóstico. Agora, alguns meses depois, ela compartilhou uma espécie de balanço sobre como tem sido lidar com a doença.

A esclerose múltipla é doença que afeta o corpo causando uma série de danos, que abrangem várias áreas, comprometendo a capacidade motora. Stresser falou sobre um de seus principais sintomas.

LEIA TAMBÉM:  Dias difíceis? Geraldo Luis reaparece visivelmente abatido, fala sobre ‘ir embora’ e faz desabafo misterioso

A fadiga é um dos sintomas que mais sinto. Um cansaço como se tivesse sempre corrido uma maratona já ao acordar“, desabafou. A atriz, que é fumante, ainda reconheceu que o mau hábito prejudica sua saúde ainda mais.

Saudades de ter energia, pura e simplesmente, acordar com disposição e fazer o dia render. Agora é assim, devagar, com muita delicadeza e paciência comigo mesma“, relatou.

LEIA TAMBÉM:  Lembra quando Zezé Di Camargo disse que nunca amou Zilu e que “mulher feia tem que ser traída”?

Guta ficou muito conhecida e marcada por ter dado vida a Bebel, uma das personagens do humorístico “A Grande Família”. Depois de um período afastada das telinhas, no ano passado, ela pegou o público de surpresa ao revelar o diagnóstico.

A esclerose múltipla não tem cura, mas o tratamento ajuda a retardar o avanço da doença, garantindo mais tempo de bem-estar e maior qualidade de vida ao paciente. No Brasil, a atriz Cláudia Rodrigues é outra figura pública que fala abertamente sobre a doença.