Goleiro Bruno lamenta morte repentina em meio ao coronavírus: ‘não pude me despedir’

Noticiamos mais cedo, que o massagista do Flamengo Jorge Luiz Domingos, mais conhecido como Jorginho, faleceu na manhã dessa segunda-feira, 04/05/2020.

O ex-goleiro Bruno Fernandes, lamentou a morte do amigo em seu Instagram.

O profissional morreu de COVID-19, e trabalhava no clube já há 40 anos.

Sua morte está repercutindo demais nas mídias sociais.

Ele morreu bem no momento em que os dirigentes já especulavam a volta do futebol brasileiro, pois todas as competições estão totalmente paralisadas desde o mês de março, e ainda não se tem previsão de que tudo volte ao normal.

Diversos atletas lamentara a morte de Jorginho, e Bruno foi um deles, que utilizou suas redes sociais para dizer:

“Tio Jorginho, que Deus possa te receber de braços abertos, vai fazer muita falta entre nós, infelizmente não pude me despedir , mas levo seu sorriso comigo em meu coração, obrigado por tudo . Que Deus conforte o coração dos familiares”, lamentou Bruno.

Um dos seguidores do ex-goleiro comentou: “Muito triste , alguém tão distante da gente e ao mesmo tempo tão próximo pois trabalhava no nosso Mengão, Deus conforte todos”.