Evangélica fervorosa, filme polêmico e briga com Thammy: a Gretchen que poucos se lembram

Gretchen é uma das celebridades brasileiras mais conhecidas da Internet. Maria Gretchen, de 61 anos, tirou o show do Instagram e tem milhões de seguidores. Não importa o que ela faça, ela sempre se torna notícia.

Gretchen fez muitas coisas ao longo de sua carreira. Poucas pessoas se lembram, mas Gretchen já foi uma fervorosa evangélica. Ela contou a ela em entrevista ao Projeto Pânico em 2015.

A eterna rainha Rebolado frequentou a igreja Sara Nossa Terra no início dos anos 2000 e casou-se com Giuliano Cezimbra numa cerimónia religiosa em 2003.

“Eu costumava ser um fanático evangélico e jogava tudo fora. Quando mudamos, há um estágio em que tudo é descartado. Então, quando você entender e entender, vai descobrir que não precisa disso e nem Deus Será punido.

O que você colhe são as sementes que planta, e eu tenho plantado amor, família, então só posso colher coisas boas “, disse Gretchen ao Panic. Na mesma entrevista, Gretchen falou sobre Thammy.

Os cantores e dançarinos disseram que foi difícil quando sua filha foi libertada da prisão como homossexual. Agora, Tammy passou pelo processo de redesenho e concluiu que ele é um homem.

Recentemente, sua mãe solidária na cidade de São Paulo foi eleita vereadora, em pânico, Gretchen se lembrou de uma “briga” com Thhammy. Quando Thammy apareceu como uma criança.

Os dois não puderam se abraçar por um tempo. Eles apenas choraram um com o outro. Naquela época, em 2015, Gretchen já havia dito que haviam conseguido superar. Hoje mãe e filho se dão muito bem.

Gretchen também estrelou um filme adulto com seu namorado Guto em 2005. Alguns anos depois, a artista revelou que ganhou 1,5 milhão de reais com os filmes que estrelou e não assistiu a nenhum filme por sentir nojo. Quando Gretchen descobriu que ele estava envolvido com drogas, o relacionamento com Guto acabou.