Caixão com vítima do coronavírus é aberto durante enterro e família descobre erro da funerária

A idosa Sely Soares da Rocha, veio a óbito por contrair a doença do coronavírus com 89 anos de idade, mas esse enterro foi um dos mais comentados e constrangedor.

Pois seu neto Emerson da Rocha Barros, achou muito estranho pois o caixão que tinha escolhido para sua avó era bem diferente do que estava apresentado.

Toda a família ficaram ofendidas achando que naquele caixão não estava Sely, querendo abrir para ter certeza que ali estava a idosa. uma funcionaria quase foi forçada a abrir para a família ter certeza se era a idosa, que conversou com a família que isso raramente acontece de troca de corpos.

Mas se os familiares quiser eles abriam o caixão mas depois de seguir todos os protocolos mediante do covid-19, e tiram uma foto para terem certeza que a mesma.

A família tendo certeza que era Sely, continuaram com o enterro, mas muitos ficaram doentes por contrair a epidemia coronavírus. Pois o caixão da vitima estava lacrado, pois a senhora teria contraído o vírus.

Isso aconteceu na manhã desse domingo (26), foi uma história muito constrangedora para a família aconteceu em Sobradinho, Distrito Federal.

Sendo assim agora as familias resolveram tudo, conseguiram se despedir de Sely, e isso foi mais fácil do que apareceu, tendo em vista essa situação constrangedora.

Com tudo isso, o momento da despedida ficou bem mais difícil, algumas pessoas até passaram mal. A pandemia provocada pelo coronavírus continua com números crescentes em quase todos os estados