As últimas mensagens do médico de 32 anos enviadas antes de morrer

A Pandemia vem causando diversas vítimas em todo o mundo, logo no Brasil não seria diferente.

Antes de morrer, o médico Frederic Jota Lima, enviou mensagens através do WhatsApp antes de morrer, vítima da doença, no dia 20/04/2020.

Ele trabalhava bem na linha de frente em um UPA de São Bernardo do Campo.

A mensagem que ele enviou ao seu amigo que também é médico, ele fala que estava com febre alta, tosse seca, além de estar fazendo o uso de diversos medicamentos, entre eles a Cloroquina, paracetamol, dipirona, entre outros remédios.

Ele até enviou o seu raio-x ao médico que o aconselhou a realiza uma tomografia.

Ele foi informado de que necessitaria de oxigênio suplementar, ou seja, ele precisaria ser internado.

Frederic, diz, que no momento está sem convênio médico.

No dia seguinte lamentavelmente seu quadro piora bastante.

Em sua última mensagem que escreveu ao amigo, ele disse: “Que seja o que Deus quiser. A febre voltou e não passou mais”, confira abaixo a mensagem que o médico enviou ao seu amigo, antes de falecer.