Motoboy que foi humilhado por ser negro, é ajudado pelo humorista Matheus ceará

Um vídeo que está rolando nas redes sociais e que foi reproduzida pela Mídia Ninja, no vídeo um homem ofende um entregador, chamado Matheus, dizendo que o trabalhador tem inveja dele, da casa dele e da cor dele. Por ser “branco“.

Matheus manteve a calma e confronta o homem com argumentos. A mãe do motoboy deixou um desabafo nas redes sociais. “Mesmo tendo dinheiro pra comprar tudo o que quiser, jamais comprará a educação o respeito, pois isso vem de berço e o dinheiro não compra jamais”.

O jovem pergunta se o que o homem tem de bens, ele conquistou ou foi o pai que deu. O agressor diz que Mateus é “analfabeto”. “Você tem inveja disso aqui (do condomínio), você tem inveja dessas famílias, você tem inveja disso aqui (da minha cor).

O vídeo teve uma grande repercussão que chegou até o humorista Matheus Ceará, que fez uma campanha nas redes sociais, para localizar o entregador que foi humilhado por um cliente. Este caso aconteceu no dia 31 de julho, mais somente nesta sexta-feira dia 07, ganhou repercussão.

Matheus trabalha na empresa Ifood, que baniu a conta do usuário, pois disse que o entregador tinha “inveja disso aqui”, apontando para a pele. Nesta tarde, o jovem Matheus Pires, de 19 anos de idade, recebeu uma moto modelo Factor da Yamaha, 0 KM.

O apresentador da Rede Globo, Luciano Hulk, disse que iria presentear o jovem também uma moto. O motoboy agradeceu pelas ajudas que está recebendo de todos. 

O jovem relata: ” Queria agradecer muita a eles (apontando ao humorista e a um rapaz que o acompanhava) , agradecer aos motoboys de Valinhos,  todos que me mandaram mensagens de força e animo”.

Ele ainda completa: ” Quero dizer que ninguém é melhor que ninguém, todos podemos ser iguais, todos nós podemos ter aquilo que queremos. Não importa se você mora em condomínio ou em favela, todos nós somos importantes”.